Beliscar prejudica a perda de peso?

Marcia Penna 27 de agosto de 2014 Nutrição 0     Imprimir Imprimir

beliscar comida emagrecepinda

Todos já ouvimos falar na importância da alimentação fracionada, em pequenas porções, ao longo do dia. Mas, como fazer de maneira correta?

Com toda certeza o ideal não é comer quando já nos encontramos com a fome devidamente instalada. Devemos lembrar sempre: a fome nunca é boa conselheira…

O ideal é comer a cada 3 horas para assim mantermos nosso metabolismo acelerado, favorecendo a perda de peso.

Mas existe outro ponto que muitas vezes pecamos sem saber: fracionar demais as refeições.

Quantos de nós já não fizemos isso… Quer um exemplo? Em uma tarde comum, às 15:00h comemos um chocolate; às 15:45h tomamos um iogurte; às 16:15h comemos um salgadinho… Essa forma de se alimentar a toda hora tem nome, é um hábito alimentar considerado BELISCADOR. Esse hábito em que a todo o momento se come alguma coisa também prejudica a perda de peso (quase tanto quanto o jejum prolongado), devido a diversos fatores:

  • O organismo necessita de uma regulação hormonal na qual demonstra a necessidade de receber o alimento, e, em outro momento, de digerir o alimento recebido. Quando fornecemos alimentos nesse formato beliscador, não damos o tempo necessário para que todo o processo ocorra de forma adequada, prejudicando a perda de peso
  • Ao comermos de forma fracionada demais, não percebemos o que foi consumido, levando a um consumo de calorias muito maior do que o necessário, favorecendo inclusive o ganho de peso. Esses escapes acontecem muitas vezes por hábito, mesmo sem estar com fome.

E como fazer para diminuir essas beliscadas fora de hora? Algumas dicas funcionam muitíssimo bem para driblar esse hábito:

  • Evite “namorar” a geladeira. Ela não é uma vitrine! Não fique parado na frente dela olhando sem parar, pensando no que vai pegar para comer. Só abra quando realmente for para se alimentar. Isso vale também para a dispensa de alimentos.
  • Estabeleça horários para as refeições e procure comer o que for para comer somente naqueles momentos. Segue um exemplo de horários para as refeições: 07:00h Café da manhã / 10:00h Lanche da manhã / 13:00h Almoço / 16:00h Café da tarde / 19:00h Jantar / 22:00h Lanche leve noturno
  • Tenha atenção para tudo que é levado a boca. Uma forma de monitorar esse processo é fazer um diário alimentar, anotando tudo o que for consumido, com horários e quantidades.

Seguindo esses passos, com toda a certeza, a mudança de hábitos acontecerá, e o emagrecimento virá como uma bela consequência.


Participe do Programa Emagrece, Pinda!

Compartilhe com seus amigos e vamos emagrecer juntos!

Quem escreveu

Marcia Penna

Márcia Penna Bueno. Nutricionista graduada pela Universidade de Taubaté. Especializada em Obesidade, Síndrome Metabólica e Cirurgia Bariátrica pelo Centro Integrado de Nutrição, São Paulo. Contato - (12) 3642 9615 ou marcia@nutricaopreventiva.com.br

Deixe seu Comentário