Congelar equivale a conservar o alimento?

Sonia Outubo 27 de fevereiro de 2013 Variedades 0     Imprimir Imprimir

Congelar

Os alimentos são fundamentais para a vida de qualquer ser humano; então, por que desperdiçá-los? Várias atitudes simples podem evitar que a comida preparada no dia a dia deixe de ser aproveitada:

• Prepare apenas a quantidade necessária, sem excessos;

• Não coloque no prato mais do que o suficiente (regra que vale principalmente para as crianças, que muitas vezes exageram);

• Conserve os alimentos adequadamente. Isso pode ser feito por meio do calor ou de aditivos. Mas o frio ainda proporciona a maneira mais prática para o uso doméstico.

Alimentos em baixas temperaturas são mais bem conservados porque as reações químicas (do próprio alimento) e a ação dos micro-organismos são inativadas ou, ao menos, retardadas. Os métodos empregados são a refrigeração e o congelamento. Vamos conhecê-los melhor?

Refrigeração

Trata-se de uma conservação temporária dos alimentos, em temperatura entre 2°C e 10°C, dependendo do produto – ou seja, na geladeira. As frutas, por exemplo, podem ser guardadas em uma temperatura mais alta. Já a carne não deve ultrapassar os 5°C.

Congelamento

Neste método, os alimentos são armazenados em temperatura mais baixa do que na refrigeração. Para um melhor resultado, recomenda-se que o alimento congelado tenha mais de 80% da água livre em sua composição transformada em gelo – só assim é possível garantir a qualidade do produto.Existem duas formas de congelar os alimentos:

Congelamento lento: feito em ambiente doméstico (no freezer), à temperatura de cerca de -20°C. Neste tipo de congelamento, formam-se cristais maiores; na carne, por exemplo, eles ficam pontiagudos. Por isso, no descongelamento, as membranas celulares são quebradas com a saída do suco celular (uma excelente fonte de proteínas). O resultado é a perda de sabor e textura da carne.

Congelamento rápido: usado nas indústrias. A temperatura aplicada é de -40°C, ocasionando a formação de pequenos cristais de gelo. Não há ruptura da membrana celular durante o descongelamento


Participe do Programa Emagrece, Pinda!

Compartilhe com seus amigos e vamos emagrecer juntos!

Quem escreveu

Sonia Outubo

Técnica em nutrição, professora de culinária desde 1999. Experiência em culinária saudável, diet/light e aproveitamento integral dos alimentos alternativas para melhorar a qualidade de vida através da nutrição.

Deixe seu Comentário