Aditivos de alimentos e seus variados fins

Dra. Alexandra Manfredini 6 de março de 2013 Variedades 0     Imprimir Imprimir

Supermercado

Você já experimentou dar uma olhada na lista de ingredientes dos produtos que compra no supermercado? Não pense que vai encontrar nomes conhecidos como farinha, açúcar ou sal – pelo menos, não só.

Na composição dos alimentos industrializados, principalmente, existem inúmeros elementos desconhecidos do consumidor comum. E grande parte deles se inclui na categoria dos conservantes.

Os chamados aditivos são substâncias utilizadas pela indústria para garantir a conservação dos alimentos. A seguir, você conhece os principais – e pode ter certeza de que vai reconhecer alguns dos nomes presentes em muitos rótulos de produtos alimentícios.

Conservação de alimentos: os principais aditivos

1. Aromatizantes: usados para melhorar ou realçar o sabor dos alimentos. São divididos em cinco tipos: aroma natural, natural reforçado, reconstituído, imitação do natural e artificial.

2. Antioxidantes: são adicionados para inibir ou retardar o processo de oxidação. Presentes principalmente em óleos, gorduras, manteigas e margarinas, para evitar que fiquem rançosos.

3. Antiumectantes: proporcionam aos alimentos uma textura (aparência) mais seca. O objetivo é inibir a absorção de umidade durante o armazenamento.

4. Acidulantes: usados em bebidas e geleias para dar sabor ácido, imitando o sabor original da fruta. Assim, as características dos produtos são mantidas por mais tempo.

5. Conservadores: inibem o crescimento de micro-organismos ou retardam o processo de deterioração. As substâncias mais usadas para esse fim são os sais, os ácidos e os óxidos.

6. Estabilizantes: empregados com os objetivos de melhorar a apresentação do produto e melhorar sua vida útil. Nos sorvetes, por exemplo, dão textura mais cremosa e evitam a formação de cristais de gelo.

7. Espessantes: também usados para melhorar a textura de alimentos, como molhos, cremes e bebidas. Os mais comuns são a goma arábica, as pectinas, a goma guar e a celulose.

8. Umectantes: substâncias que retêm a umidade e dão melhor apresentação aos produtos industrializados.

Por que eles estragam?

Basta você esquecer certos alimentos fora da geladeira em um dia de calor para que eles estraguem. Por que isso acontece? Por dois motivos: em primeiro lugar, qualquer alimento está suscetível a alterações físicas, tanto biológicas quanto químicas; em segundo lugar, a presença de micro-organismos causa fermentação e putrefação, que afetam a constituição do alimento. Dessa forma, a não ser que se utilize alguma maneira de conservação (calor, frio ou aditivos), o produto realmente tem sua integridade alterada.


Participe do Programa Emagrece, Pinda!

Compartilhe com seus amigos e vamos emagrecer juntos!

Quem escreveu

Dra. Alexandra Manfredini

Coordenadora do Programa Emagrece, Pinda.

Deixe seu Comentário