O que é Obesidade?

A obesidade é o acúmulo de gordura no corpo causado quase sempre por um consumo de energia na alimentação, superior àquela usada pelo organismo para sua manutenção e realização das atividades do dia a dia. Ou seja: a ingestão alimentar é maior que o gasto energético correspondente.

Apesar de se tratar de uma condição clínica individual, é vista, cada vez mais, como um sério e crescente problema de saúde pública: o excesso de peso predispõe o organismo a uma série de doenças, em particular doença cardiovascular, diabetes mellitus tipo 2, apneia do sono e osteoartrite.

Segundo o IBGE, em pesquisa feita em 2008 e 2009, no Brasil a obesidade atinge 12,4% dos homens e 16,9% das mulheres com mais de 20 anos, 4,0% dos homens e 5,9% das mulheres entre 10 e 19 anos e 16,6% dos meninos e 11,8% das meninas entre 5 a 9 anos. A obesidade aumentou entre 1989 e 1997 de 11% para 15% e se manteve razoavelmente estável desde então sendo maior no sudeste do país e menor no nordeste. Em 2012 um estudo diz que 49% dos brasileiros estão obesos.

O que é IMC?

IMC, ou índice de massa corporal, é um método simples e amplamente difundido de se medir a gordura corporal. O IMC é calculado dividindo o peso do indivíduo em quilos  pelo quadrado de sua altura em metros. Veja um exemplo:

Circunferência Abdominal

O IMC não distingue entre diferentes tipos de adiposidade, alguns dos quais podem estar mais associados à doença cardiovascular. Estudos mais recentes dos diferentes tipos de tecido adiposo têm demonstrado, por exemplo, que a obesidade central (em forma de maçã, tipicamente masculina) tem uma correlação muito superior à doença cardiovascular que o IMC por si só.

A circunferência absoluta (>102 cm para homens e >88 cm para mulheres) e o índice cintura-quadril (>0.9 para homens e >0.85 para mulheres) são ambos, utilizados como medidas da obesidade central.

Conseqüências do Problema

  • Diabetes
  • Hipertensão
  • Câncer
  • Respiração Comprometida
  • Peso nas articulações
  • Infertilidade
  • Aumento do Colesterol
  • Problemas Circulatórios
  • Apneia
  • Refluxo Gastresofágico
  • Alterações na postura
  • Inflamações
  • Impotência
  • Depressão

No Brasil e no Mundo

De acordo com estudos do IBGE, está aumentando o número de pessoas obesas. As pesquisas indicam que há cerca de 17 milhões de obesos no Brasil, o que representa 9,6% da população. Segundo a Organização Mundial da Saúde – OMS (2010) há 300 milhões de obesos no mundo e, destes, um terço está nos países em desenvolvimento. A OMS considera a obesidade um dos dez principais problemas de saúde pública do mundo, classificando-a como epidemia.